Terça-feira, 28 de Junho de 2005

A Pequena Sereia

sereia2.jpg

 

Uma Canção feita para os meus filhos, e que eu dedico a ti Margarida, eternamente, com beijos de borboleta, daqueles que se dão com a Alma.

 

Era uma vez,

Uma linda sereia,

Ela vivia,

Num castelo de Areia,

Fundo no fundo,

No fundo do Mar,

Brincava em ondas,

Que a vinham beijar.

Tinha o cabelo Louro a brilhar,

Uma voz linda,

Quase de Encantar,

E tinha amigos,

Muito divertidos,

Caranguejos,

E Cavalos Marinhos.

Mas quando o cansaço

Estava para chegar,

Era no Polvo

Que se ía enroscar.

O Polvo embalava-a

Com muito carinho,

Baleias cantavam,

Cantavam baixinho,

E ela dormindo

Era carregada,

Para o Castelo

Que era a sua casa.

E a Mãe Sereia,

Esperava por ela,

Via-a chegar

Da sua janela,

Corria então,

Para ir receber,

A comitiva

Que a vinha trazer!

Pegava nela

Com muito jeitinho

Dava-lhe um beijo

Com muito carinho,

Ao tê-la nos braços

Tão adormecida,

Dizia-lhe sempre:

-És a minha Vida!!
publicado por igara às 11:30
link do post | comentar | favorito
|
9 comentários:
De Anónimo a 1 de Julho de 2005 às 16:05
Agora fizeste me chorar... Soninha e João
(http://www.supergoldenworld2.blogs.sapo.pt)
(mailto:costasoninha@iol.pt)


De Anónimo a 29 de Junho de 2005 às 17:18
Eu enrosco nos meu bracitos, que começam a ser pequenos, um sereio de 8 anos, que sonha e me faz sonhar...o meu Bequinha...Obrigada pelo comentário.Muitos Beijos.Marisa
(http://gatosvadios.blogs.sapo.pt)
(mailto:marisa.moreno@sapo.pt)


De Anónimo a 29 de Junho de 2005 às 09:20
hehe mt giro mesmo ate da vontade de enroscar com um polvo, ouvir as baleias e esperar pela mãe q nos vem adormecer :) beijosPasso
</a>
(mailto:Passodianisto@hotmail.com)


De Anónimo a 29 de Junho de 2005 às 08:51
Belo, belo....quem tem uma mãe assim tem tudo!!! Beijinhos :))Causa
</a>
(mailto:Causa_E_Efeito@sapo.pt)


De Anónimo a 29 de Junho de 2005 às 00:04
Eu que tantas e tantas vezes tenho lido a história da Pequena Sereia às crianças da minha casa, vou agora adormecer embalado por esta linda história de uma outra sereia, ( ou será a mesma?),que tu tiveste a genialidade de contar, com a beleza e a sensibilidade de sempre. Estás a tornar-te na minha poetisa favorita. Não dispenso já os teus poemas. Um beijinhio muito amigo do Pinóquiopinochio
(http://www.ocantodascontos.blogs.sapo.pt)
(mailto:pinochio@sapo.pt)


De Anónimo a 28 de Junho de 2005 às 19:37
Finalmente consegui entrar!Agora já está "nos meus favoritos". Tanta beleza...1 bjBrida
(http://Pensamentos da alma)
(mailto:brida_a@sapo.pt)


De Anónimo a 28 de Junho de 2005 às 16:35
Olá! Muito obrigado pela visita e pelo comentário no meu cantinho. Adorei este poema. Simplesmente, adorei. Tanta ternura e tanto carinho. Vou cá voltar e ler o teu blog com mais atenção. Jinhussssss e pensamentos felizes! AnaDesejando Um Anjo
(http://wickedgame.blogs.sapo.pt)
(mailto:ana2700@sapo.pt)


De Anónimo a 28 de Junho de 2005 às 12:14
Este poema está lindíssimo... eu já o tinha lido mana, lá no blog dedicado à Margarida e é de uma doçura extrema. Adorei...( Quem será a Margarida!)
pataininiti algarvia
(http://bloguiando.blogs.sapo.pt)
(mailto:pataininiti@sapo.pt)


De Anónimo a 28 de Junho de 2005 às 11:57
Muito belo, mais uma demonstração de afecto e carinho,assim fossem todas as "sereias" e os nossos anseios e sonhos seriam mais vezes realizados:) Gonças
</a>
(mailto:goncalomrodrigues@hotmail.com)


Comentar post

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Abril 2006

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
11
12
13
14
15

16
17
18
19
20
21
22

23
24
25
26
27
28
29

30


.posts recentes

. Mudei-me!!!!!

. Ora bem.....

.

.

.

.

.

.

.

.

.arquivos

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

. Junho 2005

. Maio 2005

. Junho 2004

blogs SAPO

.subscrever feeds