Sexta-feira, 25 de Novembro de 2005

Hoje


pescador.jpg


 

Hoje,

Não mentiria,

Ao dizer que te Amo!

 

Hoje,

Ficaria embalada,

Nos teus braços!

 

Hoje,

Exigiria os beijos,

Que me dás e que não sinto!

 

Hoje,

Ficaria envolta,

Nas palavras com que me brindas!

 

Hoje,

Pintaria a tua tela,

Em cores feitas por mim!

 

Hoje,

Temeria o despertar,

Com medo que de tanto te sonhar,

Te pudesse perder, no acordar!
</blockquote>
publicado por igara às 10:10
link do post | comentar | favorito
12 comentários:
De Anónimo a 2 de Dezembro de 2005 às 14:35
Mais um belo poema da Igara e sobretudo fica esta mensagem, devemos viver 1 dia de cada vez e não deixar para amanhã o que podemos sentir hoje:)Gonças
</a>
(mailto:goncalomrodrigues@hotmail.com)


De Anónimo a 2 de Dezembro de 2005 às 14:35
Mais um belo poema da Igara e sobretudo fica esta mensagem, devemos viver 1 dia de cada vez e não deixar para amanhã o que podemos sentir hoje:)Gonças
</a>
(mailto:goncalomrodrigues@hotmail.com)


De Anónimo a 30 de Novembro de 2005 às 11:18
Lindo poema... acabamos por dar valor ao que temos só quando o perdemos... ou só nos lembramos das coisas boas que aconteceram tentando esquecer o mau...daí a falta... beijo, Igara...prima mai linda!susana
(http://bloguiando.blogs.sapo.pt)
(mailto:susana-silva3@sapo.pt)


De Anónimo a 28 de Novembro de 2005 às 18:29
Como gostariamos sempre de fazer aquilo que deixamos de fazer..... será assim eternamente!jo
</a>
(mailto:mjoaojara@sapo.pt)


De Anónimo a 28 de Novembro de 2005 às 18:28
Como gostariamos de fazer aquilo que deixamos de fazer..... será assim eternamente!jo
(http://Portugal)
(mailto:mjoaojara@sapo.pt)


De Anónimo a 28 de Novembro de 2005 às 09:46
Gosto de poemas que me fazem chorar porque são os mais autênticos, os mais sinceros, os mais sentidos... Uhmmm, fiquei triste, com os olhos a brilhar mas com a convicção que qualquer momento feliz, por mais breve que seja, vale sempre a pena...Beijokas IgaritaEssa_Miuda
(http://www.riscosrimasebonecos.blogs.sapo.pt)
(mailto:Essa_Miuda72@hotmail.com)


De Anónimo a 25 de Novembro de 2005 às 17:52
belo poem linda, triste pq fala em passado e as vezes deixamos fugir as oportunidades q nc mais se repetem, mas p outras o destino encarrega-se de nos dar uma segunda oport. :) kem sabe um dia isso n acontece :)Passo
(http://www.versus.sapo.blogs.pt)
(mailto:Passodianisto@hotmail.com)


De Anónimo a 25 de Novembro de 2005 às 17:18
Lindo o poema. jinhosjenny55
</a>
(mailto:jenny55@sapo.pt)


De Anónimo a 25 de Novembro de 2005 às 13:56
Ontem mentiste. Ontem não te deixaste embalar. Ontem, não exigiste beijos. Ontem, não te deixaste envolver. Ontem não pintaste o quadro e também não temeste o despertar. Hoje parece que tudo mudou. Espero que tenha mudado para melhor, para que possas ser tão feliz como mereces. Não mintas mais. Exige todos os beijos a que tens direito. Não tenhas medo de te envolver e de te deixar embalar. Pinta os quadros com que sonhos e carrega mesmo nas cores mais vivas. E sobretudo oxalá que nunca mais tenhas medo de acordar.
Um beijinhoPinochio
(http://guilhermices.blogs.sapo.pt)
(mailto:pinochio@sapo.pt)


De Anónimo a 25 de Novembro de 2005 às 13:42
Pintava-te com raios de luz. És linda. Beijão grande!xxpirro
(http://pensamentos da alma)
(mailto:xxpirro@sapo.pt)


Comentar post

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Abril 2006

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
11
12
13
14
15

16
17
18
19
20
21
22

23
24
25
26
27
28
29

30


.posts recentes

. Mudei-me!!!!!

. Ora bem.....

.

.

.

.

.

.

.

.

.arquivos

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

. Junho 2005

. Maio 2005

. Junho 2004

blogs SAPO

.subscrever feeds